Seguidores

domingo, 12 de outubro de 2008

LIÇÕES DO CACD 2008

Estamos chegando ao fim de 2008, o momento de "afunilamento" da preparação dos candidatos ao CACD 2009 e, provavelmente, do processo de tomada de decisões relativas ao próximo concurso. Muito embora especular seja uma tentação quase inevitável, há lições importantes que os candidatos podem aprender com o CACD 2008.

Em primeiro lugar, o CACD 2008 serviu para demonstrar aos "pragmáticos" que foi um "pecado capital" dedicar todo o ano de preparação às matérias que foram cobradas no TPS 2007. Ainda que a prova de 2008 reproduzisse o formato de 2007, o conhecimento mais abrangente do programa do concurso era fundamental e, em geral (o que não elimina exceções), não poderia ser resolvido em quarenta dias. Essa lição de 2008 provocará uma significativa mudança para o CACD 2009: os candidatos estão estudando, com a devida prioridade, todas as matérias do CACD desde o início da preparação, o que tornará a primeira etapa ainda mais competitiva.

Em segundo lugar, o CACD 2008 repetiu seu "padrão de mudança". Seja por mudança substancial, seja por mudança de menor relevância nenhum dos últimos 8 CACD's foi igual ao outro. O candidato que organiza sua preparação baseado exclusivamente na prova anterior está, portanto, assumindo riscos desnecessários. Mais uma vez, é muito importante compreender que a forma mais segura de não ser surpreendido por mudanças é ter a preparação mais abrangente possível e não negligenciar o estudo de NENHUMA DISCIPLINA. Será que algo vai mudar no CACD para o próximo ano? Acredito que sim, ficarei surpreso se não houver nenhuma mudança.

Por último, é muito importante que o CACD é um concurso público-de alto nível, com certeza- que não é perfeito, como qualquer outro. Não existe como avaliar perfeitamente o conhecimento de milhares de candidatos. A relevância do conteúdo cobrado, as dificuldades de formulação da prova e a escolha dos tópicos do programa que são cobrados nas etapas discursivas não depende da escolha dos candidatos: é preciso estar preparado para tudo!

"Muita leitura, boas aulas, realização de exercícios, disciplina, obstinação e organização". Esse deveria ser o "mantra" dos candidatos ao CACD. Não adianta nada fazer de conta que estuda, gastar mais tempo com ansiedade em relação à prova do que com estudo efetivo ou dedicar horas e horas de pensamento, conversa e escrita com reclamações sobre a prova. O objetivo é a aprovação e serão aprovados aqueles que estiverem mais bem preparados no momento da avaliação: quanto mais abrangente for a preparação, menores os riscos de reprovação.

4 comentários:

Anônimo disse...

Caro Maurício

Obrigada pelas dicas. SEMPRE são úteis, SEMPRE!!!

Abs
Carolina

Pierre disse...

Maurício

Em primeiro lugar, muito obrigado pela sua iniciativa, que tem me ajudado muito na preparação para este concurso. Também gostaria de dizer que tenho notado que o curso Clio fornece exatamente quais os livros e respectivos capítulos para se ler. Isso infuencia demais na aprovação dos candidatos... Gostaria de saber se você tem acesso a esse material, ou se teve durante a sua preparação. Como moro em Cuiabá, gostaria de saber mais detalhadamente por onde estudar, já que estou me preparando intensamente a mais de um ano ...

Obrigado
Pierre Paolo

Anônimo disse...

Vcs acham que essa crise econômia vai influenciar na quantidade de vagas?

Anônimo disse...

vcs acham que essa crise economica vai influenciar no numero de vagas?